Mapeamento Afetivo: Área abandonada no Itaigara virou praça com obras de arte

Confira a primeira entrevista da série Mapeamento Afetivo de áreas verdes transformadas e criadas por moradores e moradoras da cidade de Salvador. Trata-se de uma iniciativa dos Canteiros Coletivos com a proposta de partilhar estratégias locais de ocupação criativa de espaços públicos e inspirar as pessoas a fazer o mesmo próximo de casa ou do trabalho. O levantamento, que busca…

Canteiros Coletivos ficou entre os 30 negócios pré-acelerados pela Vale do Dendê

Criados há seis anos pela jornalista Débora Didonê na cidade de Salvador, os Canteiros Coletivos começaram na capital baiana como um movimento de intervenção urbana com ações de plantio e arte para a recuperação cidadã de áreas públicas degradadas. Desde abril deste ano, a iniciativa está na lista de 30 empreendimentos pré-selecionados pelo Vale do Dendê, escritório de apoio e…

Voluntária francesa inicia Mapeamento Afetivo de áreas verdes em Salvador

A partir da próxima semana, publicaremos uma série de quatro espaços verdes públicos recuperados, criados e geridos por moradores e moradoras da cidade de Salvador em diferentes pontos da cidade. Trata-se do início do Mapeamento Afetivo na capital baiana, com intuito de apresentar estratégias e soluções de uso coletivo do espaço público que podem inspirar você a reunir vizinhos e fazer…