Homenagem da Rua Treze aos Canteiros Coletivos

No último sábado (15/11), o movimento Canteiros Coletivos teve a honra de receber uma homenagem da comunidade do Gantois, através de Rosiel Sena, presidente da Associação de Moradores da Rua Treze, grande parceira nas ações de recuperação do espaço.

Uma delicada plaquinha gravada diz: “Aos Canteiros Coletivos pelos serviços prestados à rua Souza Uzel”. A entrega comoveu os participantes da ação de plantio então programada, principalmente porque simboliza adesão à proposta e uma linda manifestação de amizade. Para nós, do movimento, o vínculo afetivo com o espaço público e com as pessoas que cuidam dele é um pré-requisito para que as ações se multipliquem e sejam abraçadas por todos.

placa

Dedicamos essa homenagem também ao Curiar – Escritório Modelo de Arquitetura e Urbanismo da UFBA, que nos chamou em 2012 para ser parceiros nas ações de recuperação que já empreendiam na comunidade, e ao Instituto de Permacultura da Bahia (IPB), que conseguiu apoio para um projeto conjunto de um ano de oficinas gratuitas de plantio e arte no espaço, potencializando as ações do movimento e a adesão dos moradores, moradoras e comerciantes do Gantois.

Foi feito nesse sábado um plantio bem produtivo de diversas mudas grandinhas retiradas do berçário de mudas, que fica em Nazaré, além da manutenção de plantas que já estavam no espaço. O pé de Nim está grandão e outras mudas se desenvolvem bastante. Muito em breve novas sombras de árvore vão compor esse canteiro tão bonito.

foto 2